Um Sentido na Poesia

:: Dia  7  |  3ª FEIRA
Piano bar, 21h00

 Um Sentido na Poesia

 tertúlia

A poesia tem todos os sentidos. É uma arte completa, esculpida na praça dos papéis, nas ruas das linhas, nas avenidas das frases.
Todos os sentidos têm poesia.

A magia do toque, o doce do paladar, a melodia da audição. Há um sentido que, porém, combina toda esta magia-doce-melodia da poesia. A visão.

Um poema pode ser lido na escuridão dos olhos, sob o olhar atento dos dedos.
Ainda assim todos o entendem. Todos o elevam. Todos o gritam.

Um sentido na poesia encontra a cada terceira quarta-feira do mês, o sentido numa noite de poesia, aqui no Clube Literário do Porto.

Participação ACAPO – Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal.

 

2 thoughts on “Um Sentido na Poesia

  1. Os dedos que escrevem são os dedos que lêem: “… exprimir palavras escritas: da cabeça, ou do coração, não sei, para as mãos que a prolongam para o papel. Às vezes parecem só arrancadas dos dedos que são terminais das nossas emoções, quando amamos e escrevemos e afagamos…”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s